The Free Dictionary  
mailing list For webmasters
Welcome Guest Forum Search | Active Topics | Members

Poetas Options
sklinke
Posted: Friday, April 24, 2009 2:05:23 AM
Rank: Advanced Member

Joined: 3/11/2009
Posts: 346
Neurons: 1,038
Location: Australia
Quem é o seu poeta preferido?

Você conhece algum site com poesias em português (antigas e atuais)?

Obrigada
Rondnelly
Posted: Friday, April 24, 2009 3:24:34 PM

Rank: Advanced Member

Joined: 3/28/2009
Posts: 126
Neurons: 378
Location: Brazil
Gosto das poesias/musicas do Vinicius de Morais :D
http://www.viniciusdemoraes.com.br/

MPB e um dos poucos ritmos 'tipicamente brasileiros' com letras de verdade =/

Please help me improve my English by giving me some feedback on it =D
Ahimsa
Posted: Tuesday, April 28, 2009 7:14:59 PM

Rank: Advanced Member

Joined: 3/19/2009
Posts: 147
Neurons: 420
Location: Lisboa (Portugal)
Oi sklinke!

Que duro ter de escolher "o" favorito!Think

Camões, porque "amor é fogo que se arde, sem se ver" e quem nunca viu uma "triste e leda madrugada", ainda não viveu,
Ary dos Santos, porque "são um bando de pardais à solta".

Recomendo o site - http://www.astormentas.com/ - onde encontrará ainda Alexandre O'Neill, Sophia Mello Breyner, Eugénio de Andrade, Daniel Filipe, Bocage, Cesário Verde, Camilo Pessanha, entre tantos outros.

Anxious Os amantes de Fernando Pessoa que me perdoem!





To have another language is to possess a second soul. Charlemagne (742-814 A.D.)
Gil
Posted: Wednesday, April 29, 2009 6:01:07 PM

Rank: Advanced Member

Joined: 3/13/2009
Posts: 77
Neurons: 313
Ahimsa, te perdôo. Adorei o site, revi algo do Gil Vicente, de quem também gosto muito! Hmmm... Sítio? Saite? Vou abrir um tópico sobre isso.

GIL VICENTE

Nós somos vida das gentes
e morte de nossas vidas;
a tiranos, pacientes,
que a unhas e a dentes
nos tem as almas roídas.
Para que é parouvelar?
Que queira ser pecador
o lavrador;
não tem tempo nem lugar
nem somente d'alimpar
as gotas do seu suor.


FERNANDO PESSOA

Tudo quanto penso
Tudo quanto sou
É um deserto imenso
Onde nem eu estou.

Extensão de areia peneirada
Sem nada a estar ali
Vou dar-lhe a ferroada
Da vida que vivi.
Ahimsa
Posted: Thursday, April 30, 2009 9:14:51 PM

Rank: Advanced Member

Joined: 3/19/2009
Posts: 147
Neurons: 420
Location: Lisboa (Portugal)
Gil,

Ainda bem que me perdoa. Eu gosto de Pessoa, em particular d'"A Mensagem" e toda a poesia em volta do mito do V Império. Mas ainda não é o meu favorito.

O seu homónimo Vicente, é o génio da palavra, do humor, da crítica de costumes. Em Portugal, somos obrigados a estudar o Auto da Barca do Inferno e/ou o Auto da Índia. Imagine o triste que fiquei, quando o meu irmão me disse que a minha sobrinha se ia chamar Constança!

To have another language is to possess a second soul. Charlemagne (742-814 A.D.)
sklinke
Posted: Friday, May 1, 2009 11:11:38 PM
Rank: Advanced Member

Joined: 3/11/2009
Posts: 346
Neurons: 1,038
Location: Australia
Eu assisti ao "Auto da Barca do Inferno" no teatro. Uma produção local na minha cidade. Brilhante!

Adoro todos esses que vocês citaram. Obrigada pelo site. Era isso mesmo que eu estava procurando.

Mas não posso deixar de citar Carlos Drummond de Andrade. Recentemente, conversando com uns amigos brasileiros, citei o famoso verso "Mundo mundo vasto mundo...". E eles me olharam com uma expressão de espanto. Não conheciam.

Gente, precisamos de mais poesia no mundo!!!!


Poema de sete faces (Carlos Drummond de Andrade)
Do site: http://www.memoriaviva.com.br/drummond/poema001.htm


Quando nasci, um anjo torto
desses que vivem na sombra
disse: Vai, Carlos! ser gauche na vida.

As casas espiam os homens
que correm atrás de mulheres.
A tarde talvez fosse azul,
não houvesse tantos desejos.

O bonde passa cheio de pernas:
pernas brancas pretas amarelas.
Para que tanta perna, meu Deus, pergunta meu coração.
Porém meus olhos
não perguntam nada.

O homem atrás do bigode
é sério, simples e forte.
Quase não conversa.
Tem poucos, raros amigos
o homem atrás dos óculos e do bigode.

Meu Deus, por que me abandonaste
se sabias que eu não era Deus,
se sabias que eu era fraco.

Mundo mundo vasto mundo
se eu me chamasse Raimundo
seria uma rima, não seria uma solução.
Mundo mundo vasto mundo,
mais vasto é meu coração.

Eu não devia te dizer
mas essa lua
mas esse conhaque
botam a gente comovido como o diabo.
Users browsing this topic
Guest


Forum Jump
You cannot post new topics in this forum.
You cannot reply to topics in this forum.
You cannot delete your posts in this forum.
You cannot edit your posts in this forum.
You cannot create polls in this forum.
You cannot vote in polls in this forum.

Main Forum RSS : RSS
Forum Terms and Guidelines | Privacy policy | Copyright © 2008-2019 Farlex, Inc. All rights reserved.